Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

Como a Nasa se prepara para um eventual impacto de asteroide na Terra

Um asteroide se aproxima rapidamente da Terra. Mede entre 100 e 300 metros e, se atingir nosso planeta, liberará até 800 mil quilotoneladas (800 milhões de toneladas) de energia, provocando uma destruição sem precedentes.
BBC News Brasil

O cenário é, de fato, apocalíptico. Mas que fique claro: não é real. Ainda assim, só imaginar isso é assustador.

A quantidade de energia liberada por esse asteroide poderia alcançar o equivalente a até 53 bombas de Hiroshima. Lançada pelos Estados Unidos contra o Império do Japão já no final da Segunda Guerra Mundial, a bomba atômica tinha "apenas" 15 quilotoneladas.
Data marcada

A Rede Nacional de Alerta de Asteroides (IAWN, na sigla em inglês) calculou que um asteroide poderia passar muito perto da Terra em oito anos – mais precisamente no dia 29 de abril de 2027 – e estimou haver 10% de chance de o objeto destruir o planeta.

Diante dessa ameaça, cientistas tiveram que correr para evitar uma catástrofe sem precedentes.

Calma. Como dissemos lá em …

Últimas postagens

Cientistas discutem como proteger a Terra de asteroides

NASA encontra 'corredor de gelo' em uma das luas de Saturno

Chefe da NASA traz realidade do impacto de asteroides contra humanidade

Rastreadores da NASA: asteroide gigantesco passa 'de raspão' pela Terra a 43 mil km/h

Líridas 2019: onde e quando ver a chuva de estrelas

Missão israelense fracassa com queda da nave Beresheet na Lua

Primeira missão privada a tentar pousar na Lua pode abrir caminho para exploração espacial mais barata

Algoritmos que montaram 1ª imagem de um buraco negro foram criados com ajuda de pesquisadora de 29 anos

Astrônomos apresentam a primeira imagem de um buraco negro já registrada

Luzes misteriosas no céu assustam noruegueses: 'Parecia ataque alienígena' (VÍDEO)

A Estação Espacial Internacional está repleta de fungos e bactérias

'Não deveria existir': astrofísicos descobrem algo inesperado em estrela anã da Via Láctea

Nasa cancela primeira caminhada espacial totalmente feminina por falta de trajes adequados

Estamos perto de construir bases permanentes na Lua?